quinta-feira, 31 de março de 2016

IMPERFEITA


Me olho no espelho e me amo. Tenho manchas de espinhas, olheiras escuras e olhos caídos. Minhas sobrancelhas nunca parecem estar feitas e nem sempre meu buço está em dia. Me olho no fundo dos olhos e vejo pintinhas escuras na minha íris. Íris castanha clara, com um contorno castanho escuro. Olho mais um pouco e vejo mais. Me vejo por dentro.

E as pequenas imperfeições no meu rosto se tornam pano de fundo.

Vejo o universo de sentimentos, experiências e expectativas que sou e me dispo diante de mim mesma. Não preciso mentir para quem eu vejo no espelho. Mesclo orgulho e raiva para servirem de combustível para meus objetivos e conquistas. Pareço confiante e sedutora, mas só quero ser aceita e querida. A insegurança de ficar sozinha na vida é aterrorizante demais, mas não diga que vai me prender, isso me sufoca e vai me matando um dia por vez.

Em dias intensos, tenho vontade de me jogar e beber até cair desmaiada. E o faço. Vezes sinto vergonha, onde estava com a cabeça? O que os outros vão pensar de mim? Mas aí tenho um estalo e me aceito assim, entendo que precisava transbordar os sentimentos, que eram muitos, para ficarem dentro do peito. Falo alto. Grito. Dou gargalhadas. Choro. Nenhum sentimento é fraco demais para ficar escondido. A transparência faz com que eles saiam sempre, fiquem em evidência sempre. Não consigo esconder nada. Nem de mim, nem dos outros.

Depois de tantos anos desequilibrada, procuro balancear a vida, acertar os eixos, ter mais empatia, mais maturidade, lidar com os problemas com sabedoria. Mas no fundo eu só queria agir como uma adolescente irresponsável e fazer o que tenho vontade, lá no fundo. Fazer todas aquelas loucuras que ouço as minhas amigas me contarem, aquelas que eu nunca vivi. Me comporto como se soubesse muito bem o que fazer em todas as situações porque esperam isso de mim. A verdade é que eu também estou confusa e perdida e em dúvida. O tempo todo.

Ah! A dúvida. Sentimento latente, que cresce silencioso e vira turbilhão na minha vida. A dúvida de estar no caminho certo. De estar feliz. A dúvida é uma das minhas piores inimigas, sempre. Ela me sabota. Só não me sabota mais que o medo. Ainda nos meus 15 anos, me achava puramente corajosa, destemida, aventureira. Aos 25 já não tenho tanta certeza se tenho o desprendimento necessário para me jogar. O medo me trava. Sufoca. 

E são nessas pequenas imperfeições que me encontro completa, nelas que eu vejo o tempero da minha personalidade. Eu nada seria sem os meus defeitos, por isso me aceito e me amo assim. O resto é só propaganda enganosa.

quinta-feira, 10 de março de 2016

OLHÃO PRETO PARA BALADA


Toda amante de maquiagem é louca por olhão preto, mas é uma das maquiagens mais chatas de se fazer, afinal é maior lambança sempre! Então, pensando na temporada de formaturas (e nas baladas nossas de toda semana), resolvi produzir um daqueles tutoriais facílimos, para pessoas reais reproduzirem! Juro juradinho que é fácil, mas é preciso treinar sempre, ok?


Ficou querendo aprender?? Então dá um play e arrasa <3


Vocês viram que o segredo, mais uma vez, está em esfumar bem, com a mão bem levinha e fazendo movimentos levemente circulares, né? Então bora treinar para ficar todo mundo muuuuito gata na balada, com a make maravilhosa e poderosa!

Produtos usados:

Base Skin Perfection Eudora Compacta - cor Bege Médio
Pó Compacto ProFinish #128 Make Up For Ever
Paleta de Corretivos MAC
Primer Stay Don't Stray Benefit
Paleta de Sombras Warm Neutral MAC
Paleta de Sombras Naked 2 Urban Decay
Lápis de Olhos Pérola Negra, Pausa para Feminices TBlogs
Máscara para cílios Escândalo quem disse, berenice?
Blush Nars Unlawfull
Batom Glinda, Pausa para Feminices TBlogs

Gostaram?




quarta-feira, 9 de março de 2016

LOOKS ACUMULADOS

Oie!

Esses últimos dias fiz a maluca e esqueci de publicar vários looks que usei para trabalha, lá na fanpage do blog! Então vou coloca-los por aqui mesmo, para não ficarem perdidos :) Não tenho muito o que falar deles, afinal eu sempre conto uma historinha no dia que publico, pois a ideia sempre está fresca na cabeça! Me desculpem não ter muito o que dizer!





Uma coisa que tenho notado em meus looks é uma pegada mais basiquinha/minimalista. Acho que tenho facilitado mais 



terça-feira, 8 de março de 2016

PAPEL DE TROUXA NUNCA MAIS

Quem nunca fez papel de trouxa na mão de outra pessoa?

Quem nunca se frustrou e se decepcionou com as atitudes de outras pessoas?

Hoje o vídeo é para você, que não quer fazer papel de trouxa nunca mais.


Sei que muitas pessoas não conseguem assistir no trabalho, mas ouçam depois, com calma! Essa é uma nova proposta que vou trazer para cá, uma forma de reflexão de como a gente leva a vida e como a vida nos leva! Espero que gostem :)

segunda-feira, 7 de março de 2016

RESENHA: BASE + CORRETIVO PHEBO DE COR ADAPTÁVEL



Ganhei essa base da Phebo no kit de produtinhos que a Bru Tavares distribui em todas as turmas de seus cursos da Escola Madre (Ainda não conhece o projeto? Ela fala sobre eles aqui!). Ela, maravilhosa que só, sempre fecha parcerias com as marcas para ter produtos incríveis e de qualidade para as alunas que fecham o curso. (mas eu fui como convidada!)

Enfim! Como dizia, essa base da Phebo estava no kit e o tom é um pouco mais claro que a minha pele, na cor Areia, porém a marca diz que a cor é adaptável, então usei mesmo assim. Ela é 2 em 1: corretivo na parte de cima e base na parte debaixo e, mesmo sendo uma base líquida, ela é bem firme, como podem ver na foto!

A embalagem é pesada e o vidro é opaco, achei de muito bom gosto, afinal embalagens bonitas são sempre bem-vindas para quem coleciona maquiagem. Agora vamos ao teste!



Aqui sou eu com a pele totalmente limpa e sem produtos. Estava na TPM quando fiz essas fotos, então é possível notar como minha pele fica nessa época (eu não tomo anticoncepcional, logo, os hormônios gritam em forma de espinhas no meu rosto!)


Já nessa foto, estou com a base e o corretivo aplicados. Pontos positivos: a base realmente se adaptou ao tom da minha pele, não ficando tão diferente do tom do meu colo. Não considero os ombros porque eles tomam mais sol e vivem pretinhos! Essa base tem uma cobertura hiper leve e fica, então ela não esconde tanto as minhas pintinhas e espinhas, mas é confortável e sedosa. O corretivo é a melhor coisa do produto em si, pois consegue disfarçar minhas olheiras. Porém ela tem alguns pontos negativos: Ela é rala, apesar de ser consistente. Ela espalha bem, porém se você colocar no rosto e demorar para espalhar, ela começa a secar rapidamente, manchando na pele. Essa base tem uma textura tão leve, que chega a desmanchar na pele. E acontece isso aqui:


Acho que dá para ver que ela não aderiu totalmente à minha pele. Vejam que ela fica falhada em vários pontos, como se a minha pele estivesse ressecada (e não estava). No dia do curso ela também ficou assim e não encontrei uma forma de usa-la sem ficar assim, estranha. Apliquei com duo fiber e com aquela beauty blender da Kiss NY e não teve um bom acabamento. Acho que o pior de tudo é que, conforme o tempo vai passando, ela vai ficando pior na pele e não faz valer o investimento.

Ela custa R$133 reais e, até onde eu sei, isso é muuuuito dinheiro para pagar numa maquiagem que é para ser a nossa salvação, e não a nossa derrota! Então, se vocês estiverem pensando em comprar esse produto, acho válido ir na loja, testar no rosto e dar uma volta para ver como ela vai reagir na pele de vocês, que na minha foi só decepção! :(


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...