segunda-feira, 23 de abril de 2012

#Inspiração: Camisa com Transparência

Uma peça que eu tenho gostado muito e se encontrar por ai vou dar uma boa analisada para comprar é uma camisa com transparência. A bendita foi muito usada no verão trazendo muita leveza aos looks e está aparecendo com muita força no inverno também.

Eu acho que além de ser uma roupa com muito estilo, por mais que carregue um ar sexy, é uma peça versátil e pode ser usada de diversas maneiras. Ressaltando que existem diversos modelos com diversos tecidos, uns mais finos, outros mais grossos.


O legal é que muitos modelos são fechados até a gola e mesmo cobrindo todo o busto de quem a usa, passa um ar de beleza sem ser vulgar, mas claro, tudo tem seu jeito de ser usado: tanto para o lindo, quanto para o feio.

O que pode surgir de questionamento é a pergunta padrão: com o que usar? Eu acho que vai com as mais variadas composições. Com peças de alfaiataria, como bermudinhas e calças, com saias, desde as bandage, às lápis e rendadas, calças cigarrete e skinny, peças de couro, para balancear o look com uma peça mega pesada e outra leve como uma pluma. Também combinam com blazers, jaquetas de couro, perfectos, entre outros. É sim uma peça muito versátil.



Se você for usar uma e se pegar pensando no que usar por baixo nada de pagar peitinho minha gente você pode ser ousada e apostar em sutiãs com cores fortes e alças trabalhadas, pode optar pelo básico sutiã preto/branco ou até mesmo em lingeries rendadas e trabalhadas. Se for discreta e/ou tímida pode usar uma regatinha justinha por baixo, com alças finas e também de material leve, para não tirar a leveza da camisa. Essa dica também é válida para quem quer usá-la no trabalho.



E se alguém me perguntar se gordinha pode também eu digo: deve. É só escolher uma boa regata para usar por baixo, que blusinhas de renda e com transparências vão ficar lindas. E se a gordinha for mais ousada ainda, com uma boa calça ou saia de cintura alta, justa, que esteja segurando as gordurinhas dá até para arriscar só o sutiã por baixo mesmo. Isso vai depender da escolha de cada uma, mas eu já vi e posso afirmar: não fica feio não!



Vocês gostam?

#Repaginando o guarda-roupa - sexta aquisição em Monte Sião/MG

Como o post sobre minhas aquisições em Serra Negra ficou mointo grande, resolvi dividir para ser menos chata com vocês, meus leitores tão lindos!

Além de irmos até Serra Negra no sábado, fomos também à Monte Sião/MG, na manhã de ontem. Sim minha gente, fui parar lá, rs E me apaixonei pela cidadezinha, toda fofa e cheia de lojinhas de malhas.

Não tinha a intenção de gastar nada lá, mas é impossível. E eu ainda estava em poder do cartão do boy magia, rs Meu parecer é que vale muito à pena ir lá também. Tinha uma lojinha só com cardigãs e pulôveres temáticos de rock, com coroas, caveirinhas, estrelas e lurex. Só não comprei, porque sei o limite do bom senso!



A minha única aquisição em si em toda a viagem foi esse vestido: R$24.90 Adorei ele e já tenho ideias de fazer mais uma maxi gola para usar com ele nos dias mais frios.



Tá, eu sei que eu já tinha um cardigã vermelho de corações, mas quando vesti esse foi amor à primeira vestida, rs e não pude resistir ao valor: R$22. Eu estava muito precisada de blusas MESMO, além de um bom casaco ou jaqueta, as minhas blusas para o dia a dia estão muito acabadinhas, são de usar em casa, estão boas, mas não para pegar ônibus, sair. Vocês entendem né? E também levei em consideração um fato primordial: Quando é que eu vou voltar aqui? Imaginando que não tão cedo, resolvi que era uma boa decisão.



E aí, voltando para o hotel, paramos na divisa de Monte Sião com SP, num pequeno "shopping" e em uma da lojinhas me apaixonei por esta saia. O modelo exposto era laranja com preto e quando a atendente me mostrou a opção de cor, morri. Experimentei e morri mais um pouco. E resolvi trazer. Sei que sou muito sortuda por ter o namorado mais lindo, fofo e compreensivo ele compreende o meu consumismo e nessa pequena viagem de final de semana, avancei mais um pouquinho na minha jornada.

Olha a listinha como está agora:
1 calça jeans azul - skinny (claro)
1 calça jeans resinada/skinny bordô porque agora eu to pirando na calça cor de vinho
2 1 vestidos
6
4 3 blusinhas mais produzidas
5 4 3 2saias de cortes diferentes
3 2 1 bermudas de cortes diferentes
1 jaqueta de couro/ ou casaco
1 cardigã neutro que virou de onça
Colete / aquisição extra
Cardigã de corações vermelho queimado
Cardigã de corações e poá cinza
Pulôver de poá azul marinho

E agora? Só mês que vem para comprar de novo! Ainda bem que ele está próximo, HAUAHAUAHAUHA

Beiiijos de inverno

#Inspiração: Sneakers - Tênis com salto

Não sei se o título “inspiração” está certo, pelo menos para mim, mas como é post sobre tendência então vai ficar assim mesmo. Explico. Eu ainda não me apaixonei pela história dos novos sneakers, mas tudo com seu tempo, vai que daqui duas semanas eu acordo e penso “nossa, preciso muito de um”.

Calma, o que é um sneaker, não é? Esse é o nome daqueles tênis que têm o cano longo, tipo os eternos all star um pouco acima do tornozelo, sabem?




De uns tempos para cá, principalmente depois que as calças skinny caíram no gosto dos aborrecentes coloridos e alguns moderninhos estilosos, o uso dos sneakers virou figurinha carimbada de algumas tribos e objeto de desejo de muitas pessoas, digo por experiência própria. Tanto que eu já tive all star e agora tenho a botinha da Ecko, que eu já usei em looks do dia aqui.

E aí, não satisfeita com o uso do modelo, a estilista Isabel Marant desenhou o modelo com um diferencial: salto interno. A ideia é acrescentar uns centímetros às moças que querem ficar altas mesmo quando usarem um estilo mais casual.

Os modelos já foram lançados por marcas como Esdra, Schultz e até alocka do Marc Jacobs já tem sua versão que, diga-se de passagem, foi a que mais me agradou até agora. Acho que o que não me agradou em si foi a maneira que as marcas fizeram o design do sapato.



Esses modelos acima são da Esdra, foram os que menos me agradaram

A ideia é legal, principalmente para mim, que gosto, acho lindo, mas não uso salto nem por decreto e a promessa da criação é unir conforto e estilo num sapato, afinal não é tênis né?

Eu usaria um ou outro, mas não curti muito as parafernalhas dos modelos da Esdra, acho que menos é mais, PRINCIPALMENTE em peças que são assim, pesadonas.

Isabel Marant

Nascida em 12 de abril de 1967, Marant é filha de um francês e uma alemã e começou a produzir suas primeiras roupas aos 15 anos. Ela estudou no Estúdio Bercot entre os anos de 1985 e 1987 e em seguida trabalhou com marcas como Yorke e Cole. A estilista já recebeu prêmios de designer do ano e vem conquistando fãs ao redor do mundo.
Quem usaria ai?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...